Quinta-feira, 13 de Janeiro de 2011

Eram três horas da tarde, o céu estava claro e o sol brilhava intensamente, não a ponto de impedir que vissem um globo luminoso se abrir e deixar transparecer uma SENHORA LUMINOSA sentada sobre a rocha.

 

 

APARIÇÃO DE NOSSA SENHORA EM LA SALETTE

 

Em 19 de setembro de 1846, duas crianças guardadoras de vacas, Mélanie Calfat (14 anos), e Maximin Giraud (13 anos), tiveram uma inusitada visão da Santa Virgem em La Salette, povoado cerca de 70 km de Grenoble (sul da França), nas montanhas alpinas, 1800 m de altitude.

 

Eram três horas da tarde, o céu estava claro e o sol brilhava intensamente, não a ponto de impedir que vissem um globo luminoso se abrir e deixar transparecer uma SENHORA LUMINOSA sentada sobre a rocha, com os cotovelos sobre os joelhos, chorando e com o rosto entre as mãos. Assustadas, a Senhora as acalmou (pretendiam bater nela com o cajado) pedindo que não tivessem medo e que estava ali "para lhes contar uma grande novidade".

 

Por certo tempo a Senhora Luminosa conversou com elas assuntos triviais da colheita, depois, repentinamente Mélanie ficou surda, enquanto seu companheiro ouvia da Senhora um segredo profético. Revelado este, foi a vez de Maximin ficar surdo, enquanto Mélanie passou a receber outro segredo.

 

Este último muito mais longo que o primeiro. Quando a Senhora acabou, ambos passaram a ouvir novamente, e a Senhora continuou seu diálogo trivial, recomendando que fizessem suas orações, etc. etc.. Depois, "ela começou a se derreter - descreveram puerilmente depois as crianças - como manteiga na frigideira" E se foi.

 

Não demorou muito e todo o povoado ficou sabendo dos acontecimentos sobrenaturais nas montanhas. Começou então a via crucis das crianças, que foram inúmeras vezes duramente interrogadas para que revelassem o segredo que a Senhora lhes confiara.

 

 Isso só aconteceu em 1851, quando as crianças escreveram suas respectivas mensagens em carta lacrada endereçada ao papa Pio IX, a quem julgaram merecedor de conhecer os segredos.

 

A partir de 1872 uma publicação, sob a assinatura de Mélanie Calfat, que era um extrato do segredo, apareceu em Lecce, na Itália meridional. Em 15 de novembro de 1879 recebeu o Imprimatur do bispo Monsenhor Zola. No decorrer dos anos ora a Igreja confirmou ora condenou a mensagem que circulava na Europa.

 

publicado por emtudoavontadedeus às 17:45
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 12 de Janeiro de 2011

A Mãe de Jesus manifestou tristeza para com a humanidade pecadora. Muitas delas seguiam o tema: "o diabo está agressivo no mundo inteiro".

 

   

 

Como não encontraram explicação plausível, os especialistas subseqüentes mergulharam no silêncio e desistiram de explicá-los.

 

 

Nenhum desses especialistas ousou tirar conclusão que incluíssem uma explicação sobrenatural. O que deu deixa aos incrédulos para aventarem suas próprias explicações reducionistas.

 

 

 

Nossa Senhora também pediu lenços brancos para serem abençoados por ela: "Traga lotes de lenços aqui, completamente branco e coloque-os num saco de nylon em Meu Jardim", "Os lenços serão abençoados na primeira sexta-feira e no primeiro sábado e em cada dia de festa, por Nossa Senhora" Estes lenços vão ser preenchido com um grande dom de mim. Quem secar seus olhos com um desses lenços receberão a luz do céu.

 

Eles devem compreender que Jesus os chama e que devem preparar-se pela penitência, pedir perdão e se tornarão abençoados, felizes e em paz completa, prontos para irem ao Céu.

 

" Mama Rosa: "As pessoas que têm os lenços com eles, durante os tempos difíceis, tempos de tristeza, de resistência, ou confusão deve, em seguida, cubrir os rosto com o lenço e fazer o sinal da cruz".

 

 

 

No decorrer das muitas mensagens em San Damiano, a Mãe de Jesus manifestou tristeza para com a humanidade pecadora. Muitas delas seguiam o tema: "o diabo está agressivo no mundo inteiro". Como por exemplo, em 25 de maio de 1970:

 

 

 

"Sou insultada neste lugar [isto é, no mundo], sou tão desprezada, caluniada! Isso me causa imensa tristeza, pois a humanidade não vê que venho para salvar todos".

 

Maria Santíssima, em San Damiano, faz menção a um apocalipse universal que está por vir, a não ser que o mundo mude seus modos pecaminosos.

 

 

Na mensagem de 9 de setembro de 1969, a Mãe de Jesus disse:

"E não temam, queridos filhos, porque virei, sim, virei para o meio de vocês e todos vão me ver – e, então, acreditarão". 

 

 

 

É relevante ressaltar que essa aparição também faz grave menção aos problemas enfrentados pela Igreja nessa época.

 

 

 

Mama Rosa morreu em 5 de setembro de 1981. Desde 1975, sua saúde vinha visivelmente piorando e ela foi enviada para o hospital em várias ocasiões. No hospital em Parma Fidenza, recebeu a visita do Bispo local.

 

Em 30 de agosto assistiu a Santa Missa dominical e em 03 de setembro foi levada de volta para o hospital em Amplia, onde morreu dois dias depois. Ela recebeu a Sagrada Comunhão quinze minutos mais cedo. Ficou muito lúcida até o ultimo minuto e foi cercada por seus filhos e netos.

 

 

publicado por emtudoavontadedeus às 18:17
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 11 de Janeiro de 2011

A pereira floriu para espanto de todos. Cavado às pressas, o poço produziu "água milagrosa".

 

 

 

A pereira floriu para espanto de todos.

 

Durante dezessete dias milhares de espectadores curiosos e a imprensa puderam admitir o fenômemo e centenas de fotografias foram tiradas e publicadas nos meios de comunicação.

 

Cavado às pressas, o poço produziu "água milagrosa". Entre os fenômenos registrados, houve curas de cegueira, surdez, paralisia e outras enfermidades e também curas dos "males da alma", ou conversões.

 

Durante 13 anos seguintes, todas as sextas-feiras, Rosa viu a aparição de Maria Santíssima.

 

Em um dos registros dessa aparição, a vidente Mamma Rosa, em "ligeiro transe", relatou: "A Mãe chegou à pereira, toda vestida de vermelho, em uma luz tão grande e resplandecente que brilha sobre o mundo inteiro — acompanhada de todos os anjos e também dos santos mártires que deram a vida por Jesus".

 

No dia 8 de outubro de 1967, festa da Imaculada Conceição, cerca de duas mil pessoas estavam presentes.

 

Metade dessas pessoas eram de países estrangeiros – França, Suíça, Alemanha, Iugoslávia, Áustria, Estados Unidos, Canadá e diversos países sul-americanos.

 

Mais uma vez, ocorreu o fenômeno do sol "que girou durante meia hora e lançou raios multicores. Estava completamente obscurecido e só se viam as arestas externas... como um eclípse". É importante ressaltar aqui que não houve eclipses em dezembro de 1967. Foram tiradas muitas fotografias desses fenômenos.

 

Na edição de 9 de dezembro de 1968, o jornal Diário de Piacenza publicou na primeira página: "Cento e cinqüenta ônibus e cerca de mil carros trouxeram enorme multidão a San Damiano, ontem. Segundo as maiores estimativas havia cerca de dez mil pessoas... Cerca de trinta padres franceses estavam ao redor da pereira".

 

Naquele dia chovia muito sobre a multidão. Todos os acessos a San Damiano estavam bloqueados. Milhares de pessoas caminhavam na lama até os tornozelos para chegar próximo à pereira. Era compacta a multidão ao redor da vidente e da pereira.

 

Mamma Rosa pediu que todos fechassem os guarda-chuvas. Então, exatamente como ocorrido em Fátima em 1917, surgiram diversos sinais que estão presentes em várias outras aparições.

 

 

Alguns desses sinais são: sol giratório; duplicação do sol; cruzes brancas iluminadas, em diversas posições, algumas com o sol girando na intercessão das travessas verticais e horizontais da cruz; círculos perfeitos formados de pequenos raios parecidos com pingentes de gelo; um círculo perfeito de dez contas (representando um mistério do Rosário); raios de diversos contornos e formas; retângulos e triângulos no céu ou atrás do sol; barras ou colunas em posição vertical ou horizontal sobre fotografias inteiras; hexágonos; a imagem de um monge suspenso no ar.

 

Dezenas de fotografias foram tiradas desses fenômenos, em preto-e-branco e coloridas. Algumas foram examinadas pelo doutor Pierre Weber, engenheiro de pesquisas do Departamento Nacional de Estudo e Pesquisa no Ar e no Espaço, em Paris.

 

Especialistas de diversos campos de metereologia e análise de filmes examinaram outras fotografias.

 

Nenhum deles descobriu nessas análises uma causa natural para os fenômenos fotografados.

 

publicado por emtudoavontadedeus às 16:22
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 10 de Janeiro de 2011

Imediatamente as dores cessaram por milagre e ela ficou curada da peritonite e dos tumores perfurantes. Mais tarde, essa cura sobrenatural foi confirmada pelos médicos, para assombro de todos.

 

 

 

MENSAGENS DE MARIA SANTÍSSIMA EM SAN DAMIANO, ITÁLIA (1964)

 

 

 

"Meus queridos filhos, não se preocupem com as coisas deste mundo, mas, sim, com a salvação de suas almas."

 

Palavras da Santíssima Virgem à Rosa Quattrini em San Damiano, Itália.

 

Em 1963, a Itália vivia um processo de mudança político complicado e duvidoso. Os italianos estavam politicamente divididos entre os democrata-cristãos e os democratas-socialistas, com influência dos comunistas, do Vaticano e dos supostos mafiosos. Esse clima político gerava grande incerteza.

 

Nesse mesmo ano, em um povoado montanhês denominado San Damiano, na Itália, localizado a 70 quilômetros de Milão, vivia Rosa Quattrini, casada com Giusepe e ali conhecida como "Mamma Rosa".

 

Um pouco antes, em 1961, após diversas internações, aos 52 anos, Rosa contraiu peritonite incurável, doença mortal e dolorosa. Desenganada pelos médicos foi mandada para casa para morrer junto à família.

 

No dia 29 de setembro de 1961, aos cuidados de sua tia Adele, Rosa encontrava-se acamada, sofrendo dores terríveis. Foi então quando uma "senhora visitante" bateu à porta pedindo donativos para Padre Pio, o conhecido frade do mosteiro dos capuchinhos em San Giovanni Rotondo, próximo de Foggia.

 

 

Descrita como uma jovem de uns 25 anos, muito bonita, mais loira que morena, a visitante usava um vestido cinza-azulado malfeito e carregava uma bolsa preta. Disse que vinha de muito longe.

 

A jovem visitante pediu a tia Adele permissão para visitar Rosa. Quando o sino da igreja anunciou o ângelus, a senhora pediu a Rosa que o recitasse com ela. Depois disso, convidou Rosa a sair da cama e ofereceu-lhe a mão para ajudá-la a ficar em pé. Nesse instante, a jovem senhora colocou as mãos nas partes doloridas do corpo de Rosa.

 

Imediatamente as dores cessaram por milagre e ela ficou curada da peritonite e dos tumores perfurantes. Mais tarde, essa cura sobrenatural foi confirmada pelos médicos, para assombro de todos.

 

Em lágrimas, Rosa ajoelhou-se diante da jovem senhora e esta lhe disse para ir a San Giovanni Rotondo e apresentar-se a Padre Pio. Rosa assim o fez. Ao chegar lá, a mesma jovem lhe apareceu e disse ser a Mãe da Consolação e a Mãe dos Aflitos. Levou Rosa até Padre Pio e em seguida desapareceu.

 

Seguindo as instruções de Padre Pio, Rosa consagrou-se ao cuidado dos doentes no hospital de Piacenza.

Dois anos se passaram e Padre Pio disse-lhe que deveria interromper seu trabalho de cuidar dos doentes e lhe revelou que deveria voltar para casa, onde uma missão muito importante a aguardava. Rosa voltou a San Damiano em 1963. No entanto, nenhuma "missão importante" apareceu até o dia 16 de outubro de 1964.

 

Nesse dia, mais uma vez quando recitava o ângelus, Mamma Rosa ouviu uma voz que a chamava para fora de casa. Ao sair, deparou com "uma aparição da Virgem Santíssima" suspensa no ar, acima de uma pereira.

 

A Virgem disse-lhe que viria vê-la toda sexta-feira e lhe daria mensagens "para transmitir ao mundo". Disse que também "daria sinais", para provar a veracidade da aparição. E o primeiro desses sinais seria fazer a pereira florir fora de época. Pediu também que cavasse um poço bem perto da árvore e desapareceu.

 

Link:

 

http://www.espacojames.com.br/?cat=34&id=6576 

publicado por emtudoavontadedeus às 18:32
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 6 de Janeiro de 2011

"O ano que inicia tem muitos desafios na Missão, no mundo e nos corações individualmente. Cada desafio será igualado com uma quantidade proporcional de graça de Meu Coração."

 

 

1º de Janeiro de 2011Dia de Ano Novo

A Santíssima Virgem disse: "Louvado seja Jesus."

"Sou Maria, Mãe de Deus." (Nossa Senhora está toda vestida de branco.) "O ano que inicia tem muitos desafios na Missão, no mundo e nos corações individualmente. Cada desafio será igualado com uma quantidade proporcional de graça de Meu Coração. É importante recordar isto: Minha promessa de ajuda em qualquer necessidade."

"Os desastres naturais terão altos e baixos como a maré do mar que chega com as ondas. A Missão neste lugar terá um novo papel, um papel importante durante estes tempos de crescentes dificuldades. Desta maneira verás que mais e mais pessoas se voltam a esta Missão e à viajem espiritual que se oferece aqui".

"O Rosário dos Nascituros está começando a fechar a brecha entre o Céu e a terra. Por favor, expressa meu agradecimento a todos os que tem contribuido neste esforço."

"A luz da verdade que surge desta Missão brilhará inclusive mais forte durante o ano que entra, deixando a descoberto a hipocrisia e as mentiras que o inimigo difunde acerca do bem que se realiza neste lugar. Será cada vez mais difícil para o inimigo atuar em segredo. Isto será uma verdadeira graça para a Missão."

"Não te alarmes por nada do que suceda a teu redor ou no mundo. Recorda Minha promessa de graça que igualará cada acontecimento ou ataque."

 

 

 

VISITE-NOS!: www.amorsanto.com

maranatha

 

 

publicado por emtudoavontadedeus às 19:05
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 5 de Janeiro de 2011

No início do século XX, um homem escondeu uma bomba de alto poder entre um arranjo floral e o colocou aos pés do manto. A explosão destruiu tudo ao redor, menos o manto, que permaneceu intacto.

 

 

Do lado esquerdo do manto da Virgem, vêem-se as constelações do norte:

 

No ombro, um fragmento das estrelas da constelação de Boyero (Bootes); abaixo, e à esquerda, a constelação Osa Mayor (Ursa Maior). Em volta e à direita, Berenice (Coma Berenices); abaixo, Lebreles (Canes Venatici), e à esquerda, Thuban, que é a estrela mais brilhante da constelação de Dragón (Draco).

 

Abaixo das duas estrelas, (que todavía formam parte da Ursa Maior), percebe-se outro par de estrelas da constelação de Cochero (Auriga) e à oeste, abaixo, 3 estrelas de Touro (Taurus).

 

Desta maneira, ficam identificadas, na sua totalidade e no seu lugar, um pouco comprimidas, as 46 estrelas mais brilhantes que rodeiam o horizonte do Vale do México.

 

9. No início do século XX, um homem escondeu uma bomba de alto poder entre um arranjo floral e o colocou aos pés do manto. A explosão destruiu tudo ao redor, menos o manto, que permaneceu intacto.

 

 

10. A ciência descobriu que os olhos de Maria possuem os três efeitos de refração da imagem de um olho humano.

 

11. Nos olhos de Maria (de apenas 7 e 8 mm) se descobriram minúsculas imagens humanas, que nenhum artista poderia pintar. São duas cenas e elas se repetem em ambos os olhos. A imagem do bispo Zumárraga nos olhos de Maria foi aumentada com tecnologia digital, revelando que nos seus olhos está retratada a imagem do índio Juan Diego abrindo seu ponche frente ao bispo. Sabem qual o tamanho desta imagem? Uma quarta parte de um milésimo de milímetro.

 

Para finalizar, vejam outros 3 fatores surpreendentes:

 

1."Guadalupe" significa no idioma indígena: "amassa a cabeça da serpente". É o que está em Genesis 3,15: …"Ela (a mulher) te esmagará a cabeça (da serpente)…" é Maria, Vencedora do Mal.

 

2. A imagem é uma pintura tal qual detalha Apocalipse 12: "Apareceu no céu um grande sinal: uma Mulher vestida com o sol, tendo a lua sob os seus pés…".

 

3. A Virgem tem um cinto no ventre: está "grávida" para indicar que Deus queria que Jesus nascesse na América, no coração de cada americano. Exaltarei ao Senhor toda minha vida, cantarei ao meu Deus enquanto exista. (Sal 146,2) "Quem Canta, Ora duas Vezes"

 

Esta apresentação não tem como objetivo que você receba um milagre, ou que ela dê a volta ao mundo, ou que você receba um castigo se não a enviar.

 

Simplesmente é para lhe recordar que a Virgem está com você, sempre que dela necessitar, que nunca o(a) abandona e que você sempre será para Ela um filho ou uma filha especial.

 

Nunca se esqueça das palavras que Ela disse ao índio Juan Diego:

 

Hijito mío, el mas pequeño: no te aflijas por nada

 

¿Acaso no estás en mi regazo?

 

¿Acaso no estoy yo aquí, que soy tu madre?

 

 

 

 

 

 

publicado por emtudoavontadedeus às 20:11
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 4 de Janeiro de 2011

DESCOBERTAS SOBRE O MANTO DA VIRGEM DE GUADALUPE "Imperatriz da América"

 

 

 

DESCOBERTAS SOBRE O MANTO DA VIRGEM DE GUADALUPE "Imperatriz da América"

 

 

 

 

 

Você quer ler algo que não só vai lhe surpreender, como mudará para sempre sua forma de pensar?

Então, leia o que a ciência descobriu sobre o manto da Virgem de Guadalupe:

 

 

1. Estudos oftalmológicos realizados nos olhos da imagem de Maria detectaram que, ao aproximar luz, a retina se contrai e ao afastá-la, ela se dilata, exatamente como ocorre em um olho vivo.

 

 

2. A temperatura da fibra de maguey, com a qual está confeccionada o ponche que usou Juan Diego, mantém uma temperatura constante de 36.6 graus, a mesma de um corpo humano vivo.

 

 

 

3. Um dos médicos que analizou o ponche colocou seu estetoscópio embaixo do cinto que Maria possui e escutou batidas, que em rítmos, se repetem a 115 pulsações por minuto, igual a um bebê no ventre materno.

 

 

 

4. Não se descobriu nenhum vestígio de pintura no tecido. Na realidade, a uma distância de 10 centímetros da imagem, só se vê o tecido de maguey crú: as cores desaparecem. Estudos científicos não conseguem descobrir a origem da coloração que forma a imagem, nem a forma que a mesma foi pintada. Não se detectou vestígios de pinceladas nem outra técnica de pintura conhecida. Os cientistas da NASA confirmaram que o material que dá origem às cores não pertence a nenhum dos elementos conhecidos na terra.

 

 

 

5. Foi passado um raio lazer no sentido lateral sobre o tecido e descobriu-se que a coloração da mesma não está nem na frente e nem no verso, e sim, que as cores flutuam a uma distância de três décimos de milímetro sobre o tecido, sem tocá-lo. As cores flutuam sobre a superfície do ponche. Não é surpreendente?

 

 

 

6. A fibra de maguey que constitui o tecido da imagem, não dura mais que 20 ou 30 anos. Há varios séculos se pintou uma réplica da imagem em um tecido de fibra de maguey idêntica, e a mesma se desintegrou depois de varias décadas, enquanto que, há quase 500 anos do milagre, a imagem de Maria continua tão firme como no primeiro dia. A ciência não consegue explicar porque a tela não se desintegrou.

 

 

 

7. No ano de 1791, derrubou-se, acidentalmente, ácido muriático no lado superior direito do tecido. Num intervalo de 30 dias, sem tratamento algum, o tecido afetado se reconstituiu milagrosamente.

 

 

 

8. As estrelas visíveis no Manto de Maria refletem a exata configuração e a posição em que se apresentava o céu do México, no dia em que aconteceu o milagre.

 

 

Do lado direito, do manto da Virgem, encontram-se "comprimidas" as constelações do sul:

4 estrelas que formam parte da constelação de Ofiuco (Ophiucus).

 

 

Abaixo, se observa Libra e à direita , a que parece uma ponta de flecha, corresponde ao início de Escorpião (Scorpius).

 

 

 

No meio, se assinalam duas: a constelação de Lobo (Lupus) e no extremo, a de Hidra (Hydra).

 

 

 

Abaixo se vê a Cruz do Sul (Crux). Sem dúvida alguma, à esquerda, aparece o quadrado ligeiramente inclinado da constelação de Centauro (Centaurus).

tilma guadalupe manto

 

publicado por emtudoavontadedeus às 19:04
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 3 de Janeiro de 2011

«Sobe, meu caçula, ao topo da montanha; lá onde Me viste e te dei a ordem, encontrarás diferentes flores. Corta-as, junta-as, então volta aqui e traze-as em minha presença.»

 

 

Depois de ouvir toda a conversa de Juan Diego, a Santíssima Virgem respondeu:

 

«Escuta-Me e entende bem, meu caçula, nada deve te amedrontar ou te afligir. Não deixes teu coração perturbado. Não temas esta ou qualquer outra enfermidade, ou angústia. Eu não estou aqui? Quem é tua Mãe? Não estás debaixo de minha proteção? Eu não sou tua saúde? Não estás feliz com o meu abraço? O que mais podes querer? Não temas nem te perturbes com qualquer outra coisa. Não te aflijas por esta enfermidade de teu tio, por causa disso, ele não morrerá agora. Tem a certeza de que ele já está curado.»

 

(E então, seu tio foi curado, como mais tarde se soube.)

 

 

A imagem de Guadalupe

 

 

Quando Juan Diego ouviu estas palavras da Senhora do Céu, ele ficou enormemente consolado. Estava feliz. Prometeu que, quanto antes, estaria na presença do Bispo, para levar o sinal ou prova, a fim de que cresse. A Senhora do Céu ordenou que subisse ao topo da montanha, onde eles anteriormente haviam se encontrado.

 

Ela lhe disse:

«Sobe, meu caçula, ao topo da montanha; lá onde Me viste e te dei a ordem, encontrarás diferentes flores. Corta-as, junta-as, então volta aqui e traze-as em minha presença.»

 

Imediatamente Juan Diego subiu a montanha, e quando atingiu o topo, ele espantou-se pela variedade de esquisitas rosas de Castilha que haviam brotado bem antes do tempo, porque, estando fora da época, deveriam estar congeladas. Elas estavam muito fragrantes e cobertas com o orvalho da noite, assemelhando-se a pérolas preciosas. Imediatamente ele começou a cortá-las.

 

 Recolheu todas e colocou-as em seu tilma. O topo da montanha era um lugar impossível de nascer qualquer tipo de flor, porque havia vários penhascos, cardos, espinhos e ervas daninhas. Ocasionalmente as ervas cresceriam, mas era mês de dezembro, na qual toda vegetação é destruída pelo frio. Ele voltou imediatamente e entregou as diferentes rosas que havia cortado para a Senhora do Céu, que ao vê-las, tocou-as com suas mãos e de novo colocou-as de volta no tilma, dizendo:

 

«Meu caçula, esta variedade de rosas é a prova e sinal que levarás ao Bispo. Tu irás dizer em meu nome que nelas ele verá o meu desejo e que deverá realizá-lo. Tu és meu embaixador, muito digno de confiança. Rigorosamente eu ordeno que apenas diante da presença do Bispo desenroles o manto e descubras o que estás carregando. Tu contarás tudo direito. Que Eu te ordenei a subir ao topo da montanha, e cortar estas flores, e tudo que viste e admiraste, então, tu podes induzir ao Bispo dar a sua ajuda, com o objetivo de que um templo seja construído e erguido como Eu tenho pedido.»

 

Depois que a Senhora do Céu deu seu aviso, ele se pôs a caminho pela estrada que dava diretamente ao México. Estava feliz e seguro de seu sucesso, carregando com grande carinho e cuidado o que continha dentro de seu tilma. De tal forma que nada poderia escapar de suas mãos, a não ser a maravilhosa fragrância das variadas e belas flores.

 

No palácio do Bispo, os serventes tentaram ver o que Juan Diego carregava. Com cuidado, ele descobriu o manto que escondia e eles puderam ver algumas flores; ao verem que eram rosas fora de época, ficaram impressionados, ainda mais por verem-nas frescas, tão fragrantes e belas. Estenderam a mão para as rosas, mas, ao tentar pegá-las, elas pareciam pintadas ou estampadas ou costuradas no tecido. Ao relatarem esse fato ao Bispo, ele compreendeu que Juan Diego carregava a prova desejada.

 

Ao ser admitido na presença do Bispo, Juan Diego contou o que havia visto e feito, renovando a mensagem de Nossa Senhora que pedia a construção de uma igreja no monte das aparições. Então, desdobrou seu manto, onde estavam as rosas; quando elas caíram ao chão, apareceu subitamente o desenho da preciosa imagem de Nossa Senhora, como ela é vista até hoje no templo de Tepeyacac, chamada Nossa Senhora de Guadalupe.

 

 

publicado por emtudoavontadedeus às 17:20
link do post | comentar | favorito
Domingo, 2 de Janeiro de 2011

Por toda a noite seu tio pediu que, ao amanhecer, ele fosse ao Tlatilolco e chamasse um sacerdote, para prepará-lo e ouvi-lo em confissão.

 

 

Entretanto, Juan Diego estava com a Virgem Santíssima, contando-lhe a resposta que trazia do senhor Bispo. A Senhora, após ouvir, disse-lhe:

 

«Muito bem, meu querido filhinho, retornarás aqui amanhã, então levarás ao Bispo o sinal por ele pedido. Com isso ele irá acreditar em ti, e a este respeito, ele não mais duvidará nem desconfiará de ti, e sabe, meu querido filhinho, Eu te recompensarei pelo teu cuidado, esforço e fadiga gastos em Meu favor. Vai agora. Espero por ti aqui amanhã.»

 

No outro dia, segunda-feira, quando Juan Diego teria que levar um sinal pelo qual então acreditariam, ele não pôde ir porque, ao chegar em casa, seu tio chamado Juan Bernardino, estava doente e em estado grave. Primeiro foi chamar um médico que o auxiliou, mas era tarde, e o estado de seu tio era muito grave.

 

 Por toda a noite seu tio pediu que, ao amanhecer, ele fosse ao Tlatilolco e chamasse um sacerdote, para prepará-lo e ouvi-lo em confissão, porque certamente sua hora havia chegado, pois não mais levantaria ou melhoraria de sua enfermidade.

 

Na terça-feira, antes do amanhecer, Juan Diego ia de sua casa ao Tlatilolco para chamar o sacerdote, e ao aproximar-se da estrada que liga a ladeira ao topo do Tepeyacac, em direção ao oeste onde estava acostumado a passar, disse: "Se eu seguir adiante, a Senhora estará esperando-me, e eu terei que parar e levar o sinal ao Bispo, como pressuponho.

 

 A primeira coisa que devemos fazer apressadamente, é chamar o sacerdote, porque meu pobre tio certamente o espera." Então, contornou a montanha, deu várias voltas, de forma que não poderia ser visto por Ela, que pode ver todos os lugares. Mas, ele A viu descer do topo da montanha e estava olhando na direção onde eles anteriormente se encontraram. Ela aproximou-se dele pelo outro lado da montanha e disse:

 

«O que há, meu caçula? Onde você esta indo?»

 

Ele estava afligido, envergonhado, ou assustado?

 

 Ele inclinou-se diante dela e A saudou dizendo: "Minha Criança, a mais meiga de minhas filhas, senhora, Deus permita que estejas contente. Como estás nesta manhã? Estás bem de saúde? Senhora e minha Criança. Vou te causar um pesar. Sabe, minha Criança, um de Teus servos está muito doente, meu tio. Ele contraiu uma peste, e está perto de morrer. Eu estou indo depressa à Tua casa no México para chamar um de Teus sacerdotes, querido pelo Nosso Senhor, para ouvir sua confissão e absolvê-lo, porque desde que nós nascemos, aguardamos o trabalho de nossa morte. De forma que, se eu for, retornarei aqui brevemente, então levarei Tua mensagem. Senhora e minha Criança, perdoa-me, sê paciente comigo. Eu não Te enganarei, minha Caçula. Amanhã eu voltarei o mais rápido possível."

 

publicado por emtudoavontadedeus às 19:58
link do post | comentar | favorito

. logotipo sapo

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Abril 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Himno de La Liturgia de l...

. O menino que conseguiu fa...

. Ou se está com Jesus, ou ...

. Há homens que dizem: se D...

. «Poderemos ficar no céu, ...

. Advertência da incompatib...

. A parte mais bonita, a pa...

. "A imensidade de Deus é a...

. Médico ao remover seus ov...

. A MELHOR CANÇÃO PARA DEUS...

.arquivos

. Abril 2015

. Março 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Agosto 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Agosto 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

.tags

. todas as tags

.links

blogs SAPO

. logotipo sapo