Quinta-feira, 27 de Setembro de 2012

Salvou sua vida graças à uma enfermeira que a escutou chorar. Faz um ano teve seu primeiro filho. Agora se envolveu na campanha eleitoral.

ReligionenLibertad.com



Melissa aponta Obama

Dramática pergunta de uma sobrevivente de um aborto

Salvou sua vida graças à uma enfermeira que a escutou chorar. Faz um ano teve seu primeiro filho. Agora se envolveu na campanha eleitoral.


C.L. / ReL - 29 agosto 2012 - religionenlibertad.com


Melissa Ohden foi um desses casos, de modo algum isolados, de fetos que sobrevivem ao aborto. São até agora 44.000 nos Estados Unidos as pessoas com essa origem, segundo cifras oficiais.

Recentemente foi levada à grande tela a história da mais célebre delas, October Baby, baseada na vida de Gianna Jessen, que, narrada por ela mesma, constitui um dos documentos mais estarrecedores contra o aborto jamais conhecidos.

Um pranto salvador
Também Melissa contou o que se passou com ela em numerosos fóruns. Em 1977, quando sua mãe estava grávida de sete meses, se submeteu a um aborto por envenenamento salino. O resultado foi que Melissa acabou viva em uma lata de lixo. Mas ao sair, os pulmões da menina se abriram, e começou a chorar. Uma enfermeira a escutou, e então os médicos que tinham tentado matá-la decidiram salvar sua vida.

Melissa foi adotada, e não soube até os 14 anos como tinha começado sua vida: "Isso mudou minha vida. Durante anos me senti incrivelmente só. Vivia cheia de medo. Lutava contra a vergonha, o obscurecimento, inclusive a culpa". Depois de licenciar-se no Trabalho Social e colaborar com grupos pró-vida, em 2007 deu a conhecer seu caso para ajudar, prestando seu testemunho, tanto a mães que estão pensando em abortar como quem já o fez e padece da síndrome pós-aborto. Atualmente está casada e tem dois filhos, o último deles o esperava para maio deste ano.

Obama: quatro vezes votou para deixar-lhes morrer
Perdoou sua mãe biológica, mas confessa que cada manhã, quando soa o despertador e tem que enfrentar outro dia, recorda sempre que pela "decisão" [choice, em inglês, a palavra tótem dos pró-abortistas nos Estados Unidos] de alguém, ela não devia estar viva.

E não esquece tampouco que Barack Obama votou por quatro vezes a favor de uma lei que impediria os médicos de salvar a vida dos fetos que sobrevivessem ao aborto. Uma lei que teria impedido que Melissa ou Gianna fossem, como são, mulheres felizes e valentes que ajudam com sua própria história quem vacila.

Agora Melissa selançou na arena eleitoral com um vídeo de um minuto dirigido para pleitear uma questão aos eleitores norte-americanos: é o atual presidente, Barack Obama, uma pessoa idônea para liderar o país?

Ohden conta o princípio de sua história: "Fui abortada, e meu corpo descartado... como se não existisse. Mas uma enfermeira me ouviu chorar, e me cuidou o suficiente para salvar minha vida". E disse ldepois: "Há algo que talvez você não conheça. Quando era senador no Senado de Illinois, Barack Obama votou para negar os direitos constitucionais às crianças nascidas depois de um aborto falhado. Não uma, mas quatro vezes".

E lança então uma dramática pergunta diante do futuro do país: "Sei que hoje estou viva pela graça de Deus, e talvez só para pleitear aos Estados Unidos esta questão: É esse o tipo de liderança que nos fará avançar? Uma liderança que despreza os mais mais indefesos e mais fracos?".

O vídeo se converteu em um elemento da campanha presidencial, onde a questão do aborto pode ser decisiva para inclinar definitivamente a balança.

Veja abaixo o vídeo de Melissa Ohden (em inglês).
http://www.youtube.com/watch?v=gwFIEprF_9Y&feature=player_embedded


Gostou desse artigo? Comente-o com teus amigos e conhecidos: http://religionenlibertad.com/articulo.asp?idarticulo=24556

publicado por emtudoavontadedeus às 23:31
link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é?

. logotipo sapo

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Abril 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Himno de La Liturgia de l...

. O menino que conseguiu fa...

. Ou se está com Jesus, ou ...

. Há homens que dizem: se D...

. «Poderemos ficar no céu, ...

. Advertência da incompatib...

. A parte mais bonita, a pa...

. "A imensidade de Deus é a...

. Médico ao remover seus ov...

. A MELHOR CANÇÃO PARA DEUS...

.arquivos

. Abril 2015

. Março 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Agosto 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Agosto 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

.tags

. todas as tags

.links

blogs SAPO

.contador de visitas

estatisticas gratis

. logotipo sapo