Quarta-feira, 29 de Agosto de 2012

Ao chegar a inundação, o padre Karpets pegou uma lancha inflável e salvou a vida de 50 pessoas.

ReligionenLibertad.com

Houve mais de 150 mortos na região de Krasnodar

Ao chegar a inundação, o padre Karpets pegou uma lancha inflável e salvou a vida de 50 pessoas

Ajudado por dois paroquianos, o sacerdote ortodoxo passou toda a noche percorrendo a cidade inundada de Krymsk e resgatando pessoas isoladas pela água.

Pablo J. Ginés/ReL - 15 julho 2012 - religionenlibertad.com

As inundações da semana passada na região russa de Krasnodar deixou um trágico balanço de 150 mortos e ao menos 17 desaparecidos, mas poderiam ter sido mais, a não ser pela ação de algumas pessoas que reagiram com rapidez.

É o caso do pároco ortodoxo de São Miguel Arcangel, na cidade de Krymsk, que ainda está debaixo d'água. O padre Aleksandr Karpets, de 27 anos, quando viu o desastre foi à sua paróquia, onde já se reuniam os primeiros acidentados. Sabendo que boa parte da cidade estava numa zona baixa, que se inundaria, recorreu à ajuda de dois paroquianos, pegaram uma lancha inflável, e em questão de minutos se dirigiram em plena noite até as zonas inundadas para resgatar a tantas pessoas que pudessem.

Pessoas mais velhas que não sabiam nadar
"Antes de mais nada, baixamos até o templo de Nossa Senhora de Kazán que estava numa zona inundada. Sabíamos que ali estavam o vigilante e a senhora responsável pelas velas, os dois muito velhos, que não sabiam nadar. Quando chegamos à igreja, já estava inundada até 5 metros de altura", explica à 'LifeNews.ru'.

O pároco ajudou os anciãos a chegar até a lancha e os levou à uma colina. O sacerdote passou toda a noite recolhendo as vítimas da inundação em sua velha lancha, iluminado com uma lanterna de bolso e repassando a cidade sistematicamente. Assim pôde levar a mais de 50 pessoas dos lugares inundados às colinas.

Uma anciã sobre um baúl
Para salvar a uma de suas fiéis, a octogenária Klavdia Vysóchuna, o padre Aleksander teve que saltar nas águas geladas. Entrando a nado na vivenda da anciã, que estava encima de um baú rodeada de água, a tomou nas costas e a meteu na lancha.

Ao amanhecer sua corrida como socorrista chegou ao final quando a lancha sofreu um rasgão. Mas não deixou de ajudar as vítimas. Em sua paróquia organizou uma cozinha itinerante. E não deixou de celebrar todos os serviços litúrgicos correspondentes. Ora et labora.

Gostou desse artigo? Comente-o com teus amigos e conhecidos:
http://religionenlibertad.com/articulo.asp?idarticulo=23763

publicado por emtudoavontadedeus às 02:06
link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é?

. logotipo sapo

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Abril 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Himno de La Liturgia de l...

. O menino que conseguiu fa...

. Ou se está com Jesus, ou ...

. Há homens que dizem: se D...

. «Poderemos ficar no céu, ...

. Advertência da incompatib...

. A parte mais bonita, a pa...

. "A imensidade de Deus é a...

. Médico ao remover seus ov...

. A MELHOR CANÇÃO PARA DEUS...

.arquivos

. Abril 2015

. Março 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Agosto 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Agosto 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

.tags

. todas as tags

.links

blogs SAPO

.contador de visitas

estatisticas gratis

. logotipo sapo