Domingo, 2 de Outubro de 2011

Bispo: os Católicos devem Envolver-se em Atividades Pró-Vida.

 

Bispo: os Católicos devem Envolver-se em Atividades Pró-Vida

por Steven Ertelt | Washington, DC | LifeNews.com | 9/27/11 11:51

Compartilhar

Outubro tem sido, tradicionalmente, o mês 'dedicado à vida' na Igreja Católica e com campanhas nacionais como a 'Rede Vida' e '40 Dias' para a Vida em curso, há uma abundância de atividades pró-vida para os católicos poderem participar.

Em um comunicado para marcar o Mês a Respeito da Vida, Outubro de 2011, o cardeal Daniel DiNardo de Galveston-Houston, chefe do escritório de divulgação pró-vida para os bispos católicos do país, convocou os católicos a se envolverem em atividades pró-vida.

Ele também abordou várias ameaças diretas à vida humana, bem como ameaças à liberdade religiosa e os direitos de consciência e, ecoando o Papa Bento XVI, ele convidou os católicos para "rezar e refletir sobre como cada um de nós pode renovar o nosso empenho e testemunho" a respeito, promoção e ensinar a natureza transcendente da pessoa humana. "

Em sua declaração, o cardeal DiNardo, presidente da Comissão de Atividades Pró-Vida da Conferência dos Bispos Católicos dos EUA, refletiu sobre o tema do 'Programa respeito à Vida' para 2011-12: "Eu vim para que todos possam ter vida e tê-lo completa. "

"Jesus" promessa de 'vida ao' completo é especialmente pungente hoje ", escreveu ele," quando a nossa cultura e, por vezes, o nosso governo tem a promoção de valores contrários à felicidade e verdadeiro bem dos indivíduos e da sociedade. "

"O nascituro, o envelhecimento dos pais, que alguns chamam de um 'fardo' no nosso sistema médico, o embrião supostamente" excessivo "na clínica de fertilidade, a pessoa com deficiência, a vítima do acidente com comprometimento cognitivo que precisa de ajuda em receber alimentos e água para viver, cada um hoje está em risco de ser admitido como uma "vida indigna da vida", disse o cardeal DiNardo.

Fatores que o Cardeal DiNardo destacou que minam os esforços para construir uma cultura da vida: "Enfrentamos as crescentes tentativas de expurgar Deus e o discurso religioso da vida pública. . Alguns agora ainda procuram eliminar as pessoas por motivos religiosos e organizações de programas públicos, forçando-os a violar as suas convicções morais e religiosas ou parar de servir os necessitados ", disse ele.

DiNardo opôs ao Departamento de Saúde e Serviços Humanos (HHS) a exigência para cobrir todas as formas de contracepção e esterilização como "serviços de prevenção para as mulheres."

"A decisão [pelo HHS] está errada em muitos níveis. Serviços preventivos visam a prevenção de doenças (por exemplo, vacinas) ou detectá-los cedo para auxiliar o tratamento imediato (por exemplo, a triagem para diabetes ou câncer).

Mas a gravidez não é uma doença .. A obrigatoriedade de tal cobertura não mostra respeito pela saúde das mulheres ou a liberdade, nem respeito pelas consciências dos que não querem participar de tais iniciativas, problemático ", disse ele.

Cardeal DiNardo especificamente rebateu afirmações de que a contracepção é necessária para a saúde da mulher, e que reduz a taxa de aborto.

"Longe de prevenção de doenças, contraceptivos pode ter consequências graves para a saúde própria, por exemplo, aumentando o risco de adquirir uma doença sexualmente transmissível, como a AIDS.", disse ele.

"Estudos relatam que a maioria das mulheres que procuram abortos estavam usando contracepção no mês que engravidou. Uma e outra vez, os estudos mostram que o aumento do acesso à contracepção não reduzir as taxas de gravidez não planejada e abortos. "

O HHS é "isenção empregadora religiosa" é "tão extremamente estreita que protege quase ninguém", disse ele. "O próprio Jesus, ou o bom samaritano da parábola famosa, não se qualifica como" bastante religioso "para a isenção, uma vez que eles insistiram em ajudar as pessoas que não compartilham sua visão de Deus."

"Os católicos não devem diminuir a partir da obrigação de declarar os valores e princípios essenciais que temos para o bem comum, a começar pelo direito à vida de cada ser humano e o direito de cada mulher e homem para expressar e viver de acordo com suas crenças religiosas e de consciência bem formada. "

Iniciada em 1972, o 'Programa Respeito à Vida' sublinha o valor e a dignidade da vida humana. Observa-se nos 195 dioceses católicas nos Estados Unidos.


publicado por emtudoavontadedeus às 00:03
link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é?

. logotipo sapo

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Abril 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Himno de La Liturgia de l...

. O menino que conseguiu fa...

. Ou se está com Jesus, ou ...

. Há homens que dizem: se D...

. «Poderemos ficar no céu, ...

. Advertência da incompatib...

. A parte mais bonita, a pa...

. "A imensidade de Deus é a...

. Médico ao remover seus ov...

. A MELHOR CANÇÃO PARA DEUS...

.arquivos

. Abril 2015

. Março 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Agosto 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Agosto 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

.tags

. todas as tags

.links

blogs SAPO

.contador de visitas

estatisticas gratis

. logotipo sapo